Tinta azul colore as águas do Paranaíba e reforça ainda mais a poluição que vem matando o Rio

0
42

20160930_111324

Na última semana, moradores das proximidades do Rio Paranaíba denunciaram mais um caso de mortandade de peixes.  As causas ainda não foram identificadas, mas o caso pode estar relacionado ao alto nível de poluição das águas. O Rio recebe toneladas e mais toneladas de esgoto diariamente. Como se não bastasse, as águas estão sendo coloridas com tinta azul.

O Patos Hoje flagrou um córrego de tinta descendo em direção ao Paranaíba. O encontro com as águas do Rio impressiona. Uma mancha de tom azul escuro vai se formando as margens do Rio. A tinta desce junto com a correnteza e, aos poucos, vai se misturando a água barrenta e já bastante poluída pelo esgoto.

A poucos metros dali, na semana passada, moradores registraram a morte de dezenas de mandis e de outros peixes de diferentes tamanhos. Não é possível associar a mortandade com a tinta sem uma análise laboratorial, mas para os ambientalistas não há dúvida de que o 20160930_111337despejo de tinta é prejudicial ao Rio Paranaíba.

20160930_111041O presidente do Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente, Ivanildo Alves, viu as imagens e se mostrou bastante preocupado com a situação. Ele disse que todas as tintas têm algum componente tóxico e até mesmo as mais comuns podem causar danos ao meio ambiente e à vida na terra.

O despejo de tinta azul no Rio Paranaíba foi registrado no bairro Várzea, nos fundos do antigo Matadouro Municipal. Ivanildo diz acreditar que a tinta é proveniente de alguma indústria instalada nas imediações. Ele informou que o Codema vai levar o caso à Polícia Militar de Meio Ambiente, Ministério Público e Prefeitura.

TEXTO E FOTOS: PATOS HOJE